Mentes Lúcidas

Quando o racional fica em silêncio e vive no conformismo, torna-se parte do problema e perde a total credibilidade da razão


Deixe um comentário

Morte digna ou boa morte no momento de coragem e superação

df0012e6-e9e1-11e1-8c3b-68a217dddf16_original

Marieke Vervoort e seu cão companheiro – atleta paraolímpica que deseja eutanásia após as Olimpíadas

A abreviação da morte, a aplicação de esforços terapêuticos desproporcionais, como a obstinação, a futilidade e o encarniçamento terapêutico, ou a instituição dos cuidados paliativos, que aliviam o sofrimento, constituem os extremos de tratamentos que podem ser oferecidos ao indivíduo em estágio terminal

Continuar lendo


2 Comentários

Reflexão de um momento sobre sentimentos suicidas e depressão

1

”A Depressão e toda a sua complexidade. A Depressão caracteriza-se por um desequilíbrio na química cerebral. Os neurônios de um deprimido não respondem bem aos estímulos dos neurotransmissores, as substâncias responsáveis pela comunicação entre as células nervosas. Continuar lendo